Como decorar o quarto da filha

Linhas retas para os moveis, cores ousadas nos tecidos – uma soma que deu certo. Até parece que Maria Eduarda, com apenas 6 meses, já sabe disso.

Ao engravidar da primeira filha, a empresária Ana Paula cinha uma cerceza para o quarto: “Não queria nada com muito jeito de bebê, e sim um visual mais de menina, mais moderno”, explica. O desejo foi atendido com precisão pelas decoradoras AAilena Purchio e Cristina Mazon Barbara, de São Paulo. Quem entra no território da risonha Maria Eduarda nota a atmosfera alegre – resultado da feliz reunião de estampas refrescantes (xadrez, listrado e floral) e cores luminosas (verde, pink e branco). “Minha idéia era fugir do tradicional. Escolhi padronagens diferentes e optei por não definir um tema para o quarto, como é comum”, comenta Ana Paula. Para otimizar cada centímetro dos 11 m2, a dupla de profissionais desenhou um único móvel concentrando berço, cama embutida, trocador e cômoda. Tal solução não compromete as medidas do mobiliário e deixa a circulação mais livre. Inspirado no oriente, o banco laqueado com futon acomoda as visitas. Tudo muito descolado, simples e feminino, como sonhavam os pais.

 

Compartilhe no:
  • Orkut

Tags: ,

Deixe um comentário