Posts com a Tag ‘decoração casa’

Decoração infantil

Decoração infantil

O tapete verde e rosa deixa o ambiente mais aconchegam enquanto a ampla cômoda mantém à mão todas as roupinhas que a recém nascida usará nos seus primeiros meses. Ao lado a poltrona foi colocada em um cantinho estratégico.

Compartilhe no:
  • Orkut

Decoração de interiores

Decoração de interiores

Sem moldura, a sanca de gesso com iluminação embutida traz modernidade ao espaço. Na cama, mesclase a delicada estampa do ToiledeJouy com o lorte tecido azul da capa das madeira que já existia foi mantido, mas, no canto deamamentar, estrategicamente colocado embaixo do pufe torna os momentos entre mãe e filho mais confortáveis.

Compartilhe no:
  • Orkut

Decoração de quarto infantil

Decoração de quarto infantil

Sobre a parede branca, a profissional fez, num suave tom de azul, uma paisagem bucólica e romântica, na qual doces personagens feitos de papel machê pescam no riacho e descansam sob a sombra de uma árvore. Assim que definiu a pintura, Mônica saiu em busca de um tecido que combinasse com as paredes para criar a confecção e, acreditem, encontrou! Assim, a colcha da cama, o bando, o trocador e todas as almofadas que deixam todos os móveis mais aconchegantes têm a estampa ícone do estilo provence.

Compartilhe no:
  • Orkut

Decoração infantil meninas

Decoração infantil meninas

As almofadas grandes têm desenhos de casinhas e compõem com os quadrinhos rosa-goiaba colocados na parede do berço. Já as almofadas em laranja têm desenhos de flores compondo com a cabeceira e a peseira do berço. No teto, o toque de modernidade ficou por conta do forro de gesso com iluminação embutida. Para controlar a luminosidade durante o dia, Gabriela propôs uma persiana rolo, que complementa o estilo clean escolhido para o quarto. Sobre o piso laminado patina branco, foi colocado um tapete feito à mão com tiras de lycra branca e cor-de-rosa.

Compartilhe no:
  • Orkut

Decoração bebê roupas no varal

Decoração bebê roupas no varal

Fugindo à regra, a mãe não queria que o cantinho de sua primeira filha fosse rosa ou lilás. Seu principal objetivo era criar uma atmosfera tranqüila e delicada, que trouxesse muita paz para a pequena. Assim, depois de muito pensar, o verde foi o tom escolhido, já que atende a todas as exigências propostas, além de ser unissex e o mais indicado para dormitórios, de acordo com a cromoterapia. Pinceladas foram dadas na parte superior das paredes, percorrendo toda a extensão do quarto. Na confecção, ele também aparece no tecido liso e no delicado floral, que se destacam no pique branco da colcha da cama e dos protetores do berço. Já o teto – com forro de gesso, sem moldura, e iluminação embutida – foi mantido branco a fim de clarear o ambiente.

Compartilhe no:
  • Orkut